Seguidores

21/11/2011

Capítulo 11

Agradeço os comentários de todas
****

Depois de trocarem de roupa de laboratório para roupas mais sócias; para um dia de compras Zac esbarrou com Vanessa ao sair do quarto no corredor que pouca luz, tinha a não ser a que entrava pela janela do fundo.
Zac: Desculpe. – Esfregou a testa sorrindo.
Vanessa: Desculpe, eu devia ter mais cuidado e ver por onde vou. – Ele parou de coçar a sua testa e passou a mão pela dela.
Zac: Está vermelho, deverá ficar com um pequeno galo. – Ela não lhe respondeu ficando atrapalhada por ele estar tão perto.
Vanessa: Pois…- Afastou se apenas a um passo dele. – Vamos, a sua mãe ainda está á espera. – Ele acenou com a cabeça que sim e começou a caminhar com ela ao lado. – Vamos passar o dia nas lojas? – Perguntou fazendo uma careta.
Zac: Esteja descansada que não deixarei, ao que o Chace me contou sobre si, não é muito dessas coisa, de ficar a ver roupas e decorações. – Ela acenou com a cabeça que sim afirmando, e perguntando se o que o Chace lhe teria dito mais sobre ela. – Mas mesmo assim tenho que lhe agradecer por fazer a vontade á minha mãe.
Vanessa: Que e isso, eu gosto da Ashley, e a sua mãe também é uma senhora simpática.
Zac: Não costuma ser, é uma sortuda conquistou lhe o coração. – Olhou para ela, mas ela não consegui fazer o mesmo, é que por vezes parecia atirar se a ela, mas ele estava a construir uma máquina com a forma da esposa a Amanda, por isso não era certo, pensar em se apaixonar, até porque se o fise se estava condenada a sofrer.
Starla: Meninos. – Falou alto chamado atenção dos dois.
Vanessa: Vamos. – Disse saindo na frente dele, ainda um pouco constrangida.
No carro foi um silêncio absoluto cada vez que Vanessa olhava para Zac ele sorri para ela, como nunca o tinha feito, o que é que se passava, estava a cair nalgum tipo de encanto, de repente os olhos dele viraram os mais lindos, os lábios os mais desejados. Mas aquilo não podia ser verdade, devia ser de passar demasiado tempo no laboratório, tinha falta do sol.
(»»»»)
Starla: Que acha disso? – Perguntou apontado para um vestido vermelho. – Acha que ela gostara?
Vanessa: Sendo uma rapariga tão feminina, sim acho que ela gostara.
Zac: Já está tudo? – Assoprou cansado com as sacolas na mão.
Starla: Ainda agora começamos; mas vamos dar um descanso e comer qualquer coisa. – Puxou Vanessa pelo braço como tinham andado o dia todos e foi para uma mesa, com o Zac a fazer de empregado carregando tudo o que elas tinham comprado. – O que vai querer minha querida?
Vanessa: Uma tosta mista e um sumo de laranja, parece me bem.
Starla: Para mim; é uma fatia de torta e um café, vá, vai lá Zac. – Ele levantou uma das sobrancelhas. – Não vai fazer as senhoras, que nós somos ir lá, sei um cavalheiro meu filho e vai nos buscar a comida. – Ele revirou os olhos e foi. – Agora que estamos a sós conte me que projecto é esse que faz com o meu filho? – Não a olho de maneira intimidadora fez a questão de uma maneira natural o que deixou Vanessa mais descansada, pensava que ela já a iria martelar com perguntas.
Vanessa: Lamento mas quanto ao projecto não posso dizer anda, é secreto.
Starla: Tudo bem se não pode contar eu percebo. – Encostou se á cadeira sem tirar os olhos dele.
Vanessa: Que me fazer mais alguma pergunta?
Starla: Não, apenas uma afirmação, é linda. – Vanessa corou com o comentário.
Vanessa: Obrigado.
Starla: Muito mais bonita que a Amanda. – Vanessa engoliu seco, não percebia onde a conversa iria parar.
Vanessa: Tinha uma nora bem elegante e inteligente…
Starla: Podia ser isso tudo, mas também era mal criada e fingida.
Vanessa: Mas porque diz isso?
Starla: Porque ela á muito tempo enganava Zac com o que ele considera um dos seus melhores amigos Scott. – Falava com ela como se a conhece se á imenso tempo, e Vanessa só dizia para sim “As aparências engana” nas fotografias pareciam amar se tanto. – Scott, contou me a mim e ao Zac, mas ele apenas lhe deu uma sova e perdoo Amanda logo de seguida.
Vanessa: Mas o seu filho ama imenso.
Starla: Ele não a ama, é obcecado por ela, porque ele era um menino inteligente da escola que ninguém gostava e consegui namorar com uma das mais populares, dês de esse dia eles mal se dês largaram, mas não é amor, Vanessa acredite que não. – Ela respirou fundo, para não contar sobre a construção de uma “nova Amanda”.
Zac: Já fiz os pedidos, aquilo estava cheio. – Sentou se, fazendo Vanessa baixar a cabeça. – Está tudo bem?
Vanessa: Sim tudo, desculpem me mas eu vou dar um passeio por ai. – Levantou se da mesa, mas Zac agarrou antes.
Zac: E a sua tosta?
Vanessa: Sei lá, coma a; o senhor, eu preciso de ir. – Afastou se deles o mais rápido que pode, parecia sair do mundo dos Efron onde vivia á pouco tempo, mas já estava a ficar louca como eles pareciam ser, ela nunca teve uma família muito chegada, mas não percebia de nada está.
Zac: O que é que a mãe lhe fez?
Starla: Nada, meu amor, apenas lhe disse uma s verdade.
Zac: Sobre?
Starla: Nada de importante, mas porque ficaste tão aborrecido, gostas assim tanto da companhia dela; é?
Zac: Não diga essas coisas, sabe que apenas gostei de…
Starla: Amanda a doce Amanda. – Sorrio ironicamente.
****
Aparentemente a única pessoa que gostava de Amanda era o próprio Zac; e ainda ama, Loucamente, literalmente falando. Será que essa loucura vai passar e ele abrir os olhos?

4 comentários:

  1. Ta né Margarida... Aí tem coisa! u.ú
    Quanto ao meu sogro to de mau com ele! u.ú Novidade...
    "Abafa" Te conto depois...
    Cap muito bom.
    Posta Logo
    Bjos ;*

    ResponderEliminar
  2. Até agora tudo o que o Zac tem mostrado é que ele é mesmo obcecado pela Amanda.. resta espera é se ele vai abrir os olhos e ver que apesar de tudo o que ele faça ele não vai ter a Amanda de volta e que tem de seguir em frente com a sua vida!!
    Tá muito bom o capítulo, como todos :)
    Bjs

    ResponderEliminar